Matriz GUT: O que é e como funciona?

matriz gut
A matriz GUT é utilizada nas empresas para definir prioridades nas tarefas e problemas. Assim, conhecer o método é de grande importância.

Você sabe o que é a Matriz GUT e para qual estratégia ela é aplicada dentro das empresas? Pois, entenda que ela funciona como ferramenta voltada para a gestão dos projetos.

A fim de que haja identificação e priorização nas tarefas e nos possíveis problemas da organização. Então é sobre este tema que vamos falar neste artigo completo que contará com informações relevantes.

Pontos Chave

  • Matriz GUT: Técnica de priorização de atividades e problemas nas empresas;
  • Elementos da Matriz GUT: São 3, sendo a gravidade, urgência e a tendência;
  • Análise SWOT: Uma ferramenta que atua na gestão estratégica das empresas. Tendo dados detalhados da análise de forças, fraquezas, ameaças e oportunidades aos negócios;
  • Gestão estratégica: Formato de administração que visa otimizar todos os processos das organizações. A fim de que eles se tornem muito mais eficientes e que atendam as necessidades das mesmas. Com isso, o papel da gestão é de grande valor nas instituições.

O que é Matriz GUT?

Matriz GUT: O que é e como funciona?

A utilização da matriz GUT na priorização de problemas organizacionais é de grande importância. Contudo, você precisa compreender exatamente o que vem a ser esta matriz e para que ela é direcionada nas empresas.

De tal forma que a mesma serve como uma ferramenta de avaliação de problemas. Sendo que é excelente para aplicação nas gestões de projetos, através das análises de prioridades.

Além disso, compreenda que com a Matriz GUT torna-se possível tanto identificar quanto priorizar problemas e atividades. Dessa forma, compreenda que o procedimento de classificação segue um padrão.

Organizando cada ponto de acordo com as gravidades, tendências e o grau de urgência das atividades. Perceba que a sigla GUT foi elaborada justamente para esses 3 elementos citados anteriormente.

Onde temos critérios que servem para que se mantenha a correta organização da ordem do ambiente de trabalho. Com isso, entenda que as demandas feitas nas empresas podem surgir a todo o momento.

Enquanto que algumas empresas acabam se esquecendo de priorizar certas atividades e processos. Realizando tudo isso em conjunto, o que acaba trazendo prejuízos e pode cansar a equipe (funcionários).

De fato, compreenda que contar com uma matriz de critérios de importância fará ampla diferença. Por isso, saiba que a Matriz GUT garante com que haja priorizações baseadas nas urgências e no grau de importância.

Possibilitando com que através do método seja mais fácil de elaborar um cronograma. E o melhor de tudo é que o projeto faz com que ocorram otimizações no fluxo (trabalho) e isso ajuda nas tomadas de decisões.

Como funciona a Matriz GUT?

Você viu no tópico anterior que há uma priorização de questões quando acontece a implementação da matriz GUT. Visto que a mesma consegue ordenar corretamente os problemas e as tarefas das empresas.

E a aplicação da matriz GUT no processo de decisões gerenciais ajuda na obtenção de resultados favoráveis. De tal forma que a análise segue 3 variáveis importantes, que são:

  • Gravidade;
  • Urgência;
  • Tendência.

Com isso, compreenda que isso possibilita com que haja melhorias nos serviços e tomadas de decisões. Em resumo, saiba que a matriz GUT surgiu em meados de 1.980 e engloba um procedimento racional.

Onde se analisa as demandas mediante a análise de impacto urgente para saber quando elas devem ser aplicadas. Aliás, saiba que você pode ainda unir a mesma a outra Matriz chamada de SWOT.

Ou mesmo ao ciclo de PDCA, mostrando de modo completo os cenários reais desta empresa. Assim, entenda que a integração da matriz GUT com outras ferramentas de gestão de projetos será uma decisão assertiva.

Passos práticos para aplicar a matriz GUT na análise de riscos

Matriz GUT

Para que ocorra a implementação correta da matriz de decisão estratégica em questão é preciso seguir algumas etapas. Desse modo, compreenda que embora seja uma ferramenta mais simples, é preciso ter um padrão.

A fim de que ela possa ser efetiva e competente nas tarefas propostas. Com isso, confira na listagem abaixo os passos do projeto:

  • Identificação dos riscos: primeiramente temos a captação daquilo que poderá atrapalhar ou impactar os negócios/projetos;
  • Atribuição das notas (critérios): indo de 1 até 5, para que seja possível conhecer melhor os níveis de riscos. Para isso haverá as variáveis de Gravidade, Urgência e Tendência;
  • Faça a multiplicação das notas (critérios): a fim de que seja possível definir as pontuações GUT;
  • Realize a classificação (riscos): organize tais riscos seguindo do maior até o menor (pontuação).

Por certo, compreenda que a Matriz GUT faz a avaliação de critérios de importância. O que acaba sendo de grande utilidade e permite com que a empresa conheça todos os detalhes necessários.

Vantagens e desvantagens da Matriz GUT na gestão estratégica

Quando feita de modo adequado a matriz de urgência e importância (GUT) consegue obter ótimos resultados. De tal forma que atua como ferramenta eficiente e que possibilita a priorização dos processos de riscos.

Ao passo que algumas das vantagens principais são as seguintes:

  • Modelo objetivo, que usa os critérios que são mensuráveis e que apresentam muita clareza;
  • Tem alta flexibilidade, adaptando-se aos mais diversos cenários;
  • Ferramenta bastante ágil e com fácil aplicação.

Porém, esteja ciente de que a Matriz GUT conta também com algumas desvantagens, são elas:

  • Pode ser subjetiva: pois a mesma carece das avaliações de todos os critérios e é feita pelos colaboradores. E isso pode resultar neste empecilho na hora das decisões;
  • Pode não agregar todos os fatores de relevância: em alguns casos deixam de fora aspectos importantes na hora de criar as priorizações. Tais como os benefícios e os custos que podem surgir no procedimento.

Ainda é possível que seja feita a customização da Matriz GUT para diferentes setores e negócios. Fazendo com que tenhamos uma análise de critérios estratégicos para atender cada atividade ou problema no momento oportuno.

Avaliação de critérios e ponderação na construção da matriz GUT

Outro ponto relevante consiste nas avaliações dos critérios e também nas ponderações durante a construção da matriz. Dessa maneira, entenda que isso visa garantir com que haja eficiência e objetividade no projeto.

Na avaliação de critérios na ferramenta de priorização de tarefas temos:

  • Observação dos critérios GUT (Gravidade, Urgência e Tendência). Necessitando assim de avaliações consistentes e com grande objetividade.

Na gravidade da Matriz GUT são medidos os impactos diretos das atividades e dos problemas deste empreendimento. Sendo um tipo de medida que mostra o grau de importância de cada item.

Nisso, entenda que o método baseia-se nos seguintes impactos:

  • Financeiros;
  • Satisfações (clientes);
  • Produtividades;
  • Segurança.

Por sua vez, temos a urgência que serve para mensurar o tempo para que ocorra a solução necessária. As bases deste aspecto incluem:

  • Prazos (entrega);
  • Impactos (prazos futuros);
  • Impactos nas regulamentações.

Já nas tendências da Matriz GUT será possível verificar se tal tarefa ou problema tende a piorar ou não. Permitindo com que seja feita correções de forma prévia. Veja quais são as bases deste fator:

  • Elevação nos custos;
  • Aumento nas reclamações;
  • Maior número de acidentes.

Treinamentos e capacitação de equipes na utilização da matriz GUT

Este é um ponto essencial e que você precisa estar atento ao implementar o projeto em sua empresa. Uma vez que treinar e capacitar equipes será uma garantia de que a ferramenta será usada de modo correto.

Para isso deve-se abranger os seguintes aspectos:

  • Definir os objetivos;
  • Critérios e as ponderações;
  • Aplicações da Matriz GUT;
  • Entre outros detalhes.

Vale destacar que o ideal é que o treinamento seja realizado presencialmente ou online. E que a abordagem de ensino aconteça de modo prático para que a assimilação seja completa.

Além disso, compreenda que contar com exemplos práticos será mais simples de entender o funcionamento do processo. Já as perguntas e dúvidas são outro mecanismo que pode ser aplicado durante o ensino ministrado nos treinamentos.

Conclusão

Você pode perceber que a Matriz GUT tem papel de destaque dentro de uma empresa. Pois, compreenda que a mesma permite com que as atividades e problemas sejam organizados.

Em um formato de priorização de acordo com as três variáveis que compõem o nome da sigla. Nesse sentido, entenda que temos a gravidade, urgência e a tendência, facilitando saber o quanto um item é importante.

Desse modo, saiba que isso faz com que a empresa possa se organizar melhor. Evitando realizar tarefas não prioritárias e mantém-se sempre um ambiente eficiente e competente. Portanto, saiba que esta estratégia é viável e integrada a outras ferramentas e produz ótimos resultados.

FAQ: Perguntas Frequentes

Como é feita a matriz GUT?

A matriz GUT é construída em formato de tabela onde são listados os mais diversos itens. Nisso, entenda que são avaliados os graus de gravidade, urgência e de tendência. Em seguida, compreenda que são atribuídas as notas que vão de 1 até 5.

Quais são os 4 passos da matriz GUT?

Primeiro é feita a listagem dos problemas e atividades, define-se então as prioridades e são feitos os cálculos. Logo após isso cria-se então os planos (ação) para esta matriz.

Onde a matriz GUT pode ser aplicada?

Essa ferramenta da gestão pode ser aplicada nos mais diversos projetos e iniciativas. De tal forma que tem foco direcionado nos planejamentos estratégicos dentro das empresas.

0 0 votes
Avaliação do artigo
Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Você quer um inventario mais eficiente?
Beneficie-se com o rastreio em tempo real, redução significativa de perdas e um aumento notável na velocidade dos processos de gestão de ativos e estoques.
Sobre o Grupo CPCON
No Grupo CPCON, você encontra soluções especializadas em gestão de ativos e estoques, com ênfase na tecnologia RFID, para otimizar e agilizar seus processos. Oferecemos serviços como inventário de ativos, gestão de ativos de TI, consultoria imobiliária, reconciliação fiscal-física e automação com RFID. Além disso, temos gestão de estoque, serviços de avaliação, soluções ágeis, software e consultorias variadas. Nossa vasta experiência, incluindo trabalhos com clientes renomados como Caixa Econômica, Vale e Petrobras, reforça nosso compromisso com ética e proteção de dados.
Guias
Soluções
Cansado de erros e imprecisões na Gestão de Seus Ativos e Estoques?
Experimente a precisão e eficiência da tecnologia RFID do Grupo CPCON. Com rastreamento em tempo real e uma drástica redução nas perdas, acelere os processos de inventário e gestão em sua empresa. Transforme sua gestão de ativos hoje mesmo!
Em destaque

Conteúdos Relacionados a

Contabilidade Ambiental

Contabilidade Ambiental

A contabilidade ambiental é de extrema importância e pode gerar decisão de compra por parte dos clientes. Afinal, compreenda que atualmente as empresas que se preocupam com o planeta são

Continuar lendo »
Comitê de Pronunciamento Contábeis

Redução ao Valor Recuperável de Ativos – Mudança Lei 11.638/07

O Comitê de Pronunciamentos Contábeis reitera o pronunciamento técnico CPC 01 sobre a Redução ao Valor Recuperável de Ativos. Conforme Art. 3º, Considera-se de grande porte, para fins exclusivos desta lei, a sociedade ou conjunto de sociedades sob controle comum que tiver, no exercício social anterior, ativo total superior a R$ 240.000.000,00 ou receita bruta anual superior a R$ 300.000.000,00”

Continuar lendo »
Novidades

Conteúdo Recentes

Rolar para cima